7 de agosto de 2015

NOITE...



Noite...


A noite chega-me sempre com o teu perfume,
o aroma que deixas em mim quando me abraças 
e vibras com o calor que te aporta o meu corpo...

Sentas-te no meu colo e
enlaças-me pelo pescoço 
deitando a tua cabeça no meu peito,
as minhas mãos acariciando-te
os caracóis do teu cabelo, despenteando-te...

Os meus lábios depositam-te no pescoço descoberto 
um beijo que te compõe um sorriso no rosto
que se ilumina de uma forma tão radiosa, 
e um arrepio de prazer pelo inesperado da minha carícia...

Olhas-me nos olhos de forma tão terna, 
lábios entreabertos oferecendo-se despudoradamente 
em pura paixão aos meus...

Ficamos os dois a saborear
a doçura do nosso afecto 
até que acabas por adormecer, 
exausta, mas sorrindo 
com a tua cabeça deitada 
na almofada do meu colo.

Hamilton Ramos Afonso