25 de janeiro de 2016

DEIXA-ME SONHAR CONTIGO





" DEIXA-ME SONHAR CONTIGO "


Deixa-me adormecer nos teus cabelos,
Sorrir na tua boca e ser feliz,
Beijar esses teus seios como alvéolos,
Foi isto meu amor que sempre quis.

Quero viver num sonho em teus castelos,
Ser príncipe, mancebo, ser petiz,
Tecer na harmonia fortes elos,
Da tua f'licidade ser raiz.

Tu és a minha moira encantada,
Vives dentro de mim ó doce amada,
Por ti eu vou lutar a vida inteira.

Se é sonho ou realidade isso que importa,
Só sei que esta paixão tanto me exorta
Que hei-de morrer feliz à tua beira!

Abílio Ferradeira de Brito