6 de novembro de 2016

POR TODO CANTO




Por Todo Canto


Por toda chama que me queima
Por todo o corpo ardo em combustão
O amor mais rico meu canto poema
Escritor do meu templo e coração
Nomeio-o mais lindo nome que chamo
Nas rimas que o vento suave chapisca
Nas riscas do tempo apressado te amo
Na condição da poesia cujo destino risca
No topo do conjunto o mel puro encanto
Em total liberdade na forte estrutura 
Na fonte do verso varonil onde me pranto
O doce costume faz do beijo mais bento

Por todo canto da boca adocicada loucura
Na longitude da alma amor é pecado isento.

Son Dos Poemas 
Sônia Gonçalves