27 de junho de 2015

EROTICAMENTE TUA


Imagem - Sensuality in Art



EROTICAMENTE TUA


O corpo dança em véus de vento rubro ao luar…
Os mais belos instintos sobrevoam no olhar;
Os mais cálidos desejos ruborizam as faces;
Os mais ardentes ensejos perpetuam os lábios.

A alma voa ao infinito no escaldante sapatear,
Largos passos de magia ruborizam o ar
Que se acende à labareda, clímaxes
Do coração desnorteado pelos cios.

O coração…o compasso que se agita no amar,
Compulsivas pulsações exaltam o sôfrego,
Desejo de ser tua…em pleno estado de aconchego
Se ramificam os desvarios pelo juncoso arfar.

São lufadas de ar fresco de aroma a cerejas
Que trazem no ventre a magia da agreste labareda;
Os mais nobres sentimentos…eroticamente tua…a alameda
Que se escorre no audaz e frutífero sumo, néctar que desejas.

® RÓ MAR